Editora, Proposta Pedagógica

04.08.2017

Futuro da educação passa pelo livro didático

Compartilhe esta notícia:   
Futuro da educação passa pelo livro didático
Instituições de ensino da Educação Básica têm sido cada vez mais exigentes com a qualidade do conteúdo oferecido em livros didáticos e paradidáticos. Além dos requisitos do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD), as escolas têm procurado por publicações que agreguem inovação, modernidade e propostas alinhadas com as mais modernas abordagens pedagógicas reconhecidas pela comunidade internacional.

“O aluno precisa de livros que estimulem e auxiliem na aprendizagem, que ofereçam referências para a ampliação de novos saberes por meio da pesquisa”, opina a educadora Marli Mendes, que representou a Editora Bom Jesus, empresa do Grupo Educacional Bom Jesus, no IV Congresso Nacional de Educação Católica, realizado pela Associação Nacional de Escolas Católicas (Anec), em julho, na cidade de Belo Horizonte (MG).

Com o tema “Educação católica e os desafios do século XXI”, o evento procurou fomentar o diálogo sobre como preparar as escolas para a educação do futuro. Um dos pontos de atenção, segundo Marli, foi a importância do livro didático, tema muito debatido no estande da Editora Bom Jesus com lideranças das principais instituições educacionais católicas do Brasil.

“Para uma maior efetividade do aprendizado, esses materiais de apoio devem ser adaptados à linguagem e ao momento cognitivo do estudante, como o desenvolvimento de estratégias para a resolução de problemas por meio de uma abordagem investigativa, na Educação Infantil, até a ampliação da interdisciplinaridade no Ensino Médio, por exemplo”, defende Marli.

Comunidade franciscana


O Grupo Educacional Bom Jesus também foi representado no evento pelo seu presidente, Frei João Mannes, e pela equipe formada pelo professor do Colégio Bom Jesus, Mário Renato Longen, pela coordenadora de Convênios do Colégio Bom Jesus, Solange Dorocinski, e pelo coordenador de Vendas da Editora Bom Jesus, Cláudio Mentrop.

Criada há cerca de cinco anos, a Editora Bom Jesus produz livros didáticos e paradidáticos para alunos da Educação Infantil ao Ensino Médio, é gerenciada por Giselli Hümmelgen e conta com uma equipe de cerca de 100 profissionais, muitos deles professores que estão em sala de aula e conhecem as principais demandas que vêm dos próprios estudantes.