ÁREA RESTRITA: BJ CONNECT
 

Iniciação Científica, Feras

05.04.2016

Aluna do Bom Jesus no Caldeirão do Huck

Compartilhe esta notícia:   
Aluna do Bom Jesus no Caldeirão do Huck

Um dos maiores incentivos à pesquisa científica é o reconhecimento, pois motiva o pesquisador e gera exemplos a serem replicados, principalmente no ambiente educacional. Sayuri Tais Miyamoto Magnabosco, que concluiu o Ensino Médio no Bom Jesus em 2015, é um desses casos. No próximo sábado, dia 9, ela participará do quadro Jovens Inventores, que será exibido em rede nacional pela TV Globo, no programa Caldeirão do Huck, a partir das 15h30.

Sayuri participou do Programa de Iniciação Científica do Bom Jesus, com a orientação do professor Cornélio Schwambach, e criou uma solução para o problema do impacto negativo das tradicionais bandejas de isopor no meio ambiente – o material pode demorar até 300 anos para se decompor na natureza. A partir de uma tarefa pedagógica orientada em sala de aula, a estudante desenvolveu uma técnica para a criação de bandejas usando o bagaço de cana-de açúcar – material biodegradável.

A ideia permitiu a participação de Sayuri em importantes feiras científicas nacionais e internacionais, além da obtenção de vários prêmios. Agora, a jovem curitibana é exemplo de inovação e da importância do incentivo à pesquisa científica na Educação Básica.

Na foto, no sentido horário: Luciano Huck, professor Cornélio e Marina Miyamoto, mãe de Sayuri, nos bastidores do programa Caldeirão do Huck.