Feras, Vestibular

25.01.2019

Aluno do Bom Jesus conquista dois primeiros lugares nas Universidades Federais de Santa Catarina e do Paraná

Compartilhe esta notícia:   
Aluno do Bom Jesus conquista dois primeiros lugares nas Universidades Federais de Santa Catarina e do Paraná

O estudante Pedro Henrique Fernandes Gatti, calouro de Biomedicina da Universidade Federal do Paraná (UFPR), é a prova viva de que não existe fórmula mágica ou modelo pronto de sucesso para se atingir um objetivo. O aluno, que recentemente conquistou o primeiro lugar em duas importantes universidades federais do Brasil – em Engenharia de Transporte e Logística (UFSC) e Biomedicina (UFPR) –, evitou fazer provas como treineiro e buscou aproveitar cada ano na escola e cada aula como se fossem únicos.

“Ao optar por não realizar vestibular nas outras séries do Ensino Médio, eu busquei evitar uma ansiedade desnecessária e, ao mesmo tempo, quis aproveitar as aulas e os professores sem qualquer tipo de peso que essa experiência pudesse me trazer”, explica Pedro. Mas o estudante confessa ter usado tática diferente para o Exame Nacional do Ensino Médio: “Já para o Enem não! Eu fiz a prova duas vezes, na 1ª e 2ª séries, antes de prestar para valer, pois além de testar meus conhecimentos, queria ter algum tipo de experiência e entendimento a respeito desse exame”, pontua o estudante, que, dentre as duas vagas conquistadas, escolheu a UFPR.

Pedro também prestou vestibular na Unicamp, em Campinas (SP), mas não compareceu para realizar a 2ª fase; na Universidade Estadual de São Paulo (Unesp), que ainda não divulgou o resultado; e em outras duas instituições privadas de Curitiba (PR).

A trajetória

Pedro Henrique destaca a importância e a parceria da família, além de toda sua trajetória no Bom Jesus São José, como os principais responsáveis por todas as conquistas que teve até hoje. “Em casa sempre houve diálogo e respeito e no Bom Jesus também. Nunca me senti um número, sempre fui ouvido e senti que também era importante para o Colégio”, conta o calouro.

Ele enfatiza ainda o fato de o Bom Jesus sempre ter estimulado a curiosidade dele e de ter ido além daquilo que é exigido na matriz curricular. “Desde a Educação Infantil aprendi o que está nos livros e muito mais. No Bom Jesus, há ensinamentos para a vida, que contribuíram e ainda contribuem muito para minha formação como pessoa e, por isso, faço questão de agradecer ao Colégio, aos meus professores e aos meus colegas. Todos foram muito importantes!”, afirmou.

“O Pedro tem uma linda história de dedicação e determinação na busca dos seus sonhos. Além de excelente aluno, sempre foi muito educado, acolhedor e respeitoso, estabelecendo uma boa convivência com todos”, conta a gestora do Bom Jesus São José, Zeliane Trisotto, que ainda faz questão de acrescentar que o aluno se destacava por sua inteligência, facilidade de compreensão e diálogo com os professores.

Turma 100%

Todos os alunos da 3.ª série do Ensino Médio do Colégio Bom Jesus São José ingressarão no Ensino Superior em 2019. Eles foram aprovados em diversas instituições públicas e privadas. “Agradeço aos nossos alunos e às suas famílias a confiança no nosso Colégio, no nosso ensino e nos nossos profissionais. Também sou grata aos professores e demais funcionários, que não medem esforços para dar o melhor de si, apoiados pela excelência centenária do Grupo Educacional Bom Jesus”, finaliza a gestora.

AGENDE UMA VISITA