ÁREA RESTRITA: BJ CONNECT
 

Iniciação Científica

23.03.2015

Iniciação científica do Bom Jesus em destaque

Compartilhe esta notícia:   
Iniciação científica do Bom Jesus em destaque

A equipe Bom Jesus provou mais uma vez a qualidade do projeto de iniciação científica conduzido na Instituição. Desta vez, o palco foi a Universidade de São Paulo (USP), que recebeu a Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (Febrace) 2015, de 16 a 20 de março, na capital paulista. O Colégio garantiu prêmios nas categorias “Professor Destaque do Paraná” e “Ciências Biológicas”, além de indicações para participações em feiras internacionais.

Na categoria “Ciências Biológicas”, a aluna do Ensino Médio Sayuri Tais Miyamoto Magnabosco recebeu um certificado de reconhecimento da ASM Materials Education Foundation, pela exibição de maior destaque no quesito “Ciência de Materiais”. A jovem também ganhou o mérito científico da Sociedade Brasileira de Microbiologia e, ainda, o segundo lugar na categoria em disputa.

O projeto da estudante, “Embalagem biodegradável com função antimicrobiana para substituir bandejas de isopor”, também chamou a atenção de observadores internacionais. Sayuri foi uma das duas únicas pessoas, de um grupo com mais de 300 participantes, agraciada com uma credencial para participar da concorrida feira Genius Olympiad, que acontecerá em Oswego, em Nova York (EUA), no próximo mês de junho.

De acordo com Sayuri, o objetivo agora é melhorar o projeto e seguir adiante com a ideia. “Espero que isso me ajude a continuar na área de pesquisas, tanto durante quanto depois da faculdade. O contato com a metodologia científica me ajudou na escolha da carreira que quero seguir”, revela.

Reconhecimento


O sucesso em um projeto científico não depende apenas da dedicação do aluno – embora seja um fator indispensável –, mas deve-se também ao direcionamento do professor. Não por acaso, a Febrace garante uma homenagem especial aos mestres que contribuem para o fomento da iniciação científica no Brasil.

Nesse quesito, o professor de Biologia e coordenador de Formação Humana do Bom Jesus, Cornélio Schwambach, recebeu o reconhecimento por meio do prêmio na categoria “Professor Destaque do Paraná”. O profissional coordenou três alunos da Instituição, que foram finalistas na Febrace 2015: Sayuri Tais Miyamoto Magnabosco e Fernanda Dartora Musha, da Unidade Centro, e Eduardo Emilio Costa Trunci, da Unidade Nossa Senhora de Lourdes.

“O mais importante para nós, professores, é contribuir com o despertar do interesse científico e o consequente desenvolvimento intelectual e social dos nossos alunos. Os prêmios são importantes para motivar toda a comunidade escolar a continuar com esse trabalho”, diz.

Sesc São José


A estudante Pietra Berticelli Malanski, do Colégio Sesc São José, pertencente ao Grupo Bom Jesus, também obteve um importante desempenho com o projeto “Etiqueta termossensível para alimentos refrigerados e congelados”, que ficou no quarto lugar da categoria “Ciências Biológicas”.

O trabalho chamou a atenção da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular (SBBq), que garantiu à aluna o direito de apresentar um seminário no Congresso da International Union for Biochemistry and Molecular Biology (IUBMB) em Foz do Iguaçu, no Paraná, entre 24 e 28 de agosto.



GALERIA DE FOTOS


Ver todas imagens